Poços Subterrâneos

Poços Subterrâneos

ANÁLISE E TECNOLOGIA PARA A SECA
O Projeto ANASTASIS tem como uma de suas frentes
de atuação a assessoria de implantação de barragens subterrâneas
(fornecendo a atuação voluntária de profissionais da área da engenharia)
em comunidades não alcançadas.

 

Como funciona?A barragem subterrânea é uma tecnologia de captação de água da chuva própria para regiões secas, como a que encontramos no semiárido nordestino,e é construída a partir da introdução de um barramento de lona plástica no leito de um córrego, represando assim a água que é percolada no solo e chega àquele ponto.

A água disponibilizada pela barragem subterrânea pode então ser utilizada para as necessidades básicas da comunidade, como atividades domésticas, dessedentação animal e até cultivo agrícola, promovendo desenvolvimento social e econômico a essas comunidades.

Ainda em relação a tecnologias que complementam a Barragem Subterrânea, o Projeto também abrange o Terraceamento e o BAPUCOSA (Barramento com Pneus Usados para Contenção de Solo e Água), as quais são tecnologias que permitem maior infiltração da água do córrego no solo, aumentando a quantidade de água ofertada pela Barragem. Além dessas, o Projeto visa procurar mais alternativas para aumentar a disponibilidade hídrica em regiões secas, como a obtenção de água a partir do resfriamento do ar. Associado às tecnologias de obtenção de água, o projeto pretende desenvolver processos formativos em agricultura de base ecológica, propondo desenvolver a agricultura familiar de forma sustentável, unificando o modo de produção já existente com técnicas de cultivo agroecológico.

Portanto, o objetivo desta frente do projeto é auxiliar as comunidades no desenvolvimento de ações socioeconômicas mais sustentáveis e hábitos alimentares mais saudáveis. Para tanto, são realizadas oficinas, com conteúdos voltados ao cultivo de alimentos orgânicos e técnicas agrícolas compatíveis com os princípios agroecológicos de produção. Dessa forma, o Projeto ANASTASIS atinge sua finalidade precípua, que é, para além da promoção do desenvolvimento, contribuir para melhor entrada do evangelho em meio aos Povos não Alcançados, uma vez que o compromisso social do cristão visto na prática denota maior consistência de sua profissão de fé, chamando a atenção dos de fora.

O projeto Serão Presente apoia este projeto, que pertence a Agência de Desenvolvimento para Povos não Alcançados. Outras informações: http://www.adpnas.org